Planejamento Estratégico e o contexto ambiental

Empresas que buscam um sistema de gestão ambiental com base na NBR ISO 14.001/15 devem voltar sua atenção para conceitos como planejamento estratégico, mapeamento de processos, partes interessadas e suas necessidades e expectativas.

De acordo com a ISO 14.001/2015, a Alta Direção deve demonstrar liderança e comprometimento com o sistema de gestão ambiental, assegurando, dentre outros, que a política ambiental e os objetivos ambientais sejam estabelecidos e compatíveis com o direcionamento estratégico e o contexto da organização.

Quando a norma informa sobre direcionamento estratégico, percebe-se a importância dada ao planejamento estratégico nas empresas e sua relevância com um sistema de gestão ambiental que considera diversas partes interessadas como significativas em todo o processo. Assim o planejamento estratégico, com o viés ambiental, possibilitará a gestão das necessidades declaradas das partes interessadas, bem como trará elementos para que as expectativas dessas partes sejam monitoradas.

Ao definir um planejamento estratégico, a empresa cria um norte orientador para o seu sistema de gestão ambiental, possibilitando a criação de indicadores entre os diversos níveis da organização (estratégico, tático e operacional), bem como possibilitando uma maior clareza nos objetivos ambientais e seu respectivo planejamento de execução.

A NBR ISO 14.001/2015 traz novos conceitos, novos desafios e novas oportunidades. Assim à medida que a norma se torna iminente em uma grande maioria de empresas, sentimos um ambiente propício a novas ideias, novos processos e jeitos de trabalhar com a possibilidade efetiva de uma melhoria contínua.

Darcileu Badaró – OAB/MG – 120.969 – Sócio/Consultor Jurídico da Âmbito Homem e Ambiente.